Política de Cookies

Este site utiliza Cookies. Ao navegar, está a consentir o seu uso. Saiba mais

Compreendi
Eventos 18 Out 2019 Sociedade Musical 1º de Agosto Auditório Municipal de Gaia
Os Sons de Gaia - Encontro de Bandas

Numa celebração da música, o Município de Vila Nova de Gaia repete o convite às quatros formações filarmónicas gaienses, para se apresentarem num conjunto de concertos sinfónicos, a ter lugar no Auditório Municipal de Gaia.


Sociedade Musical 1º de Agosto
No dia 1 de Agosto de 1916, Bernardino Dias, José Pedro de Oliveira, José Pinto, Paulino da Mota, Victor Assunção e Manuel de Almeida fundaram a "Banda Marcial 1º de Agosto”. Anos depois, em 1941, por imposição do regime político de então, que considerou a palavra "Marcial” um pouco agressiva para a época, mudou o nome para "Sociedade Musical 1.º de Agosto”. No entanto, para a população de Vila Nova de Gaia, sempre foi e continua a ser a "Banda de Música de Coimbrões”.
Foi seu primeiro Maestro o então músico da G.N.R. Manuel Salgueiral, que dirigiu a Banda por mais de quatro décadas. Após a morte deste emblemático Maestro, em 1963, vários foram os maestros que se destacaram ao serviço desta coletividade, tais como: Albino Reis, Constantino Ramada, José Saraiva, António Machado, António Pinho, Daniel Silva e António Salgueiral.
Em 1997, e em reconhecimento pelos serviços prestados por esta Sociedade Musical, a Câmara Municipal de Vila Nova de Gaia atribuiu-lhe a Medalha de Mérito Municipal – Classe Ouro.
A sede e o local de ensaio mudaram várias vezes ao longo dos anos. No entanto, em 1999, uma importante etapa foi alcançada com a aquisição das instalações da sua Sede Social, onde se situa atualmente, na Rua Senhor de Matosinhos, em Coimbrões – Santa Marinha, Vila Nova de Gaia.
No vasto historial da Banda de Música da Sociedade Musical 1º de Agosto (SMPA), de destacar variadíssimas apresentações em festas e romarias de todo o país, em Encontros de Bandas, Concertos e Festivais de Música. De realçar ainda, diversas atuações em programas da RTP, nomeadamente no programa "À Volta do Coreto”, apresentado pelo Maestro António Vitorino de Almeida. Em Dezembro de 2005, a Banda de Música da SMPA, fruto do trabalho desenvolvido, gravou o seu primeiro Cd "Segundo Sonho”. 
Em 2011, de realçar o aparecimento do Quarteto de Saxofones "QSax”, iniciativa do professor Pedro Santos no âmbito das atividades incrementadas na Escola de Música da SMPA. Começou por participar nas audições escolares da coletividade, sendo que posteriormente criou uma dinâmica própria e passou a representar esta associação em diversas ocasiões e eventos diversos.
Em 2012, uma nova etapa foi atingida, desta feita com a renovação da sala de ensaio da sede desta coletividade, que passou a denominar-se "Salão Nobre Manuel Salgueiral”. Também em Agosto de 2012, foi criado o jornal "Notas da Banda”. Para além de ter passado a ser um espaço de divulgação das atividades da SMPA, tornou-se igualmente um "veículo” de cultura e um importante contributo para o registo da sua história.
No dia 1 de agosto de 2016 ocorreu uma das datas mais marcantes do historial desta coletividade, o seu ansiado centenário. Ao final da tarde, a Banda de Música percorreu as ruas de Coimbrões, e à noite realizou um memorável concerto no Auditório Municipal de Vila Nova de Gaia. 
Posteriormente, no dia 6 de outubro de 2016, a SMPA lançou um livro alusivo ao seu centenário, da autoria de José Cidade, distinto músico e associado desta coletividade.
Ainda em Outubro deste ano tão emblemático, a Banda de Música da SMPA gravou o seu segundo Cd, "100º aniversário”, que viria a ser lançado em Abril de 2017.
Uma das valências importantes da SMPA é a sua Escola de Música. Conta presentemente com um corpo docente exclusivamente composto por músicos da sua Banda de Música, tendo por objetivos promover o desenvolvimento musical dos seus alunos e contribuir também para a sua formação humana integral. 
Recentemente, em finais de 2017, a Escola de Música da SMPA passou a contar com mais uma valência, a Banda "1º de Agosto Júnior”. Trata-se de uma formação que conta com aproximadamente vinte e cinco jovens músicos e que se apresentou pela primeira vez em público na audição escolar de natal que decorreu na nossa sede em 2017. Nas suas atuações apresenta um reportório diversificado, adequado à idade e nível artístico dos seus jovens intérpretes.  
A Banda de Música de Coimbrões é atualmente dirigida pelo Maestro Professor José Alexandre Sousa e presidida por Maria Mafalda da Silva Ferreira, sendo composta por aproximadamente 70 músicos, com idades compreendidas entre os 10 e os 60 anos. 
A Direção da SMPA, juntamente com os seus Músicos e Maestro, encontram-se presentemente imbuídos de uma forte dinâmica de modo a projetar a Sociedade Musical 1.º de Agosto - Banda de Música de Coimbrões , para além do lugar de Coimbrões, da Freguesia de Santa Marinha e da Cidade de Vila Nova de Gaia.


Maestro José Alexandre Sousa 
Iniciou os seus estudos musicais aos nove anos de idade, na Academia de Música do Coral de Fornos (atual Conservatório de Música Terras de Santa Maria). 
Posteriormente, já na Academia de Música de Santa Maria da Feira, viria a concluir o Curso Complementar Supletivo de Música (instrumento trompete), na classe do professor José Borges. Durante este período (1986/94), foi bolseiro da Fundação Calouste Gulbenkian.
Complementou a sua formação na área de trompete com Kevin Wauldron, Benjamin Moreno, Javier Viceiro, Fred Mils, Carlos Grau, Juanjo Salvador, Eric Aubier e Philip Smith.
No âmbito da Direção Musical, participou em formações orientadas por Robert Houlian, Cesário Costa, Bárbara Frank e Jonathan Ayerst.
Frequentou vários seminários no âmbito do Ensino da Música, salientando-se os realizados com os renomados musicólogos Mário Vieira de Carvalho e Rui Vieira Nery.
Licenciou-se em Educação Musical na Escola Superior de Educação de Vila Nova de Gaia.
Obteve a Pós-Graduação em Ciências da Educação na Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação da Universidade do Porto.
Frequentou a Licenciatura em Música – ramo Teoria e Formação Musical, no Instituto Superior de Estudos Interculturais e Transdisciplinares de Viseu.
Lecionou trompete, classes de conjunto e educação musical em várias escolas, tais como, Academia de Música de Santa Maria da Feira, Academia de Música de Paços de Brandão, Colégio Pierre Coubertin e em vários agrupamentos do ensino público.
Dirigiu a Orquestra de Sopros da Academia de Música de Ovar, a Orquestra de Sopros do Fórum Cultural de Gulpilhares e a Banda de Música de Santiago de Riba-Ul (Oliveira de Azeméis).
Atualmente leciona na Escola de Música da Sociedade Musical 1º de Agosto, no Agrupamento de Escolas D. Pedro I (Vila Nova de Gaia) e no Conservatório de Música Terras de Santa Maria.
Paralelamente à sua atividade profissional, frequenta o Mestrado em Ensino de Música – ramo Iniciação e Formação Musical, na Escola das Artes da Universidade Católica Portuguesa.
Dirige a Banda de Música da Sociedade Musical 1º de Agosto desde 2011.

PROGRAMA
Parte 1
Second Suite for Military Band in F Major (1st movement/march) ----- Gustav Holst
Libertango ----------------------------------------------------------------------- Astor Piazzolla (autoria) / Lorenzo Bocci (arranjo)
Cuban Sound -------------------------------------------------------------------- Giancarlo Gazzani (arranjo)
Tico Tico no Fubá -------------------------------------------------------------- Zequinha de Abreu (autoria) / Naohiro Iwai (arranjo)  
Tuba Concerto (1st movement/allegro deciso) ----------------------------- Edward Gregson

Parte 2
1º de Agosto ------------------------------------------ Nuno Osório
Mi Amargura ----------------------------------------- Víctor Ferrer
Aeternum --------------------------------------------- Vitor Resende
Volta a Portugal -------------------------------------- Luís Cardoso (arranjo)
76 Trombones --------------------------------------- Meredith Wilson (autoria) / Naohiro Iwai (arranjo)  

18 de outubro de 2019 (sexta-feira), 21h30, Auditório Municipal de Gaia
Entrada gratuita, condicionada à lotação da sala.
M/6