Política de Cookies

Este site utiliza Cookies. Ao navegar, está a consentir o seu uso. Saiba mais

Compreendi
Notícias 18 Fev 2021 Requalificação da Assembleia Municipal de Gaia decorre a bom ritmo No local nascerá o futuro Auditório Manuel Menezes de Figueiredo
Vila Nova de Gaia contará, nos próximos meses, com um novo auditório da Assembleia Municipal, cujo edifício está a ser requalificado em homenagem a um dos nomes maiores da política local: Manuel Menezes de Figueiredo. A obra, que resulta de um investimento municipal na ordem dos 900 mil euros, está a desenrolar-se a bom ritmo. 

O edifício onde está instalada a Assembleia Municipal de Gaia foi construído no início da década de 1990 e, com os constrangimentos decorrentes do tempo, já necessitava de diversas obras de reabilitação e adaptação a novas necessidades. Neste edifício, além do auditório, funcionam também alguns dos serviços técnicos da autarquia. Ao longo dos anos, esta estrutura foi objeto de pequenas intervenções interiores de adaptação às necessidades de funcionamento dos serviços municipais, mas a zona do auditório nunca teve qualquer intervenção de registo, pelo que apresentava um conjunto de desconformidades com a lei vigente, nomeadamente no âmbito das acessibilidades. Neste sentido, face à antiguidade da construção e tendo em atenção a legislação em vigor, em particular o regime da acessibilidade aos edifícios e estabelecimentos que recebem público, é fundamental criar as condições necessárias para a sua utilização. 

Dotar o espaço de condições de conforto e funcionalidade, remodelar a entrada do auditório, orientando-o para um melhor aproveitamento da área para a realização de exposições, construir um novo hall para o público que assiste às assembleias municipais e remodelar os gabinetes de apoio são outros dos objetivos desta requalificação, que irá marcar uma nova fase no funcionamento deste órgão deliberativo do Município. 

Além disso, a intervenção em curso vai permitir o alargamento das valências existentes, possibilitando a realização de seminários, conferências, pequenos congressos, ações de formação, entre outros eventos de caráter idêntico, abrindo espaço à comunidade e às instituições do concelho. Ao nível das áreas exteriores está a ser levada a cabo uma ação significativa, eliminando-se barreiras e dotando-as de uma imagem mais contemporânea e harmoniosa com o edifício Praça, local onde realiza o atendimento municipal.

Numa homenagem a Manuel Menezes de Figueiredo, na entrada do auditório estará inscrito o seu nome que, como afirma Eduardo Vítor Rodrigues, presidente da Câmara Municipal de Gaia, "é uma evocação da liberdade, da honestidade e da democracia”. E conclui: "Manuel Menezes de Figueiredo sempre esteve dedicado a Gaia e aos Gaienses e essa ligação continuará, agora com o nome inscrito no betão, de cujo material era feito o seu caráter”.