Política de Cookies

Este site utiliza Cookies. Ao navegar, está a consentir o seu uso. Saiba mais

Compreendi
Notícias 23 Fev 2021 Régie cooperativa Gaia Futuro Informação atualizada
A Câmara Municipal decidiu suspender a Gaia Futuro, régie cooperativa criada para gerir os equipamentos e eventos desportivos e culturais do concelho, que está sem atividade devido à covid-19. "O arranque seria no ano passado, mas a pandemia arrastou a situação. Como não se antevê que os equipamentos reabram e há estimativas que apontam para que o ano desportivo da formação termine em maio, sem campeonatos, e sem piscinas e pavilhões abertos, entendo que a régie cooperativa deve ser suspensa”, afirmou em reunião camarária, a 22 de fevereiro, o presidente autarquia.

Eduardo Vítor Rodrigues justificou a decisão com argumentos sobre a "transparência” do processo e com razões de "poupança para a câmara”, uma vez que a esta entidade está alocado o pagamento de uma remuneração e um orçamento. Quanto à reavaliação da continuidade da Gaia Futuro, referiu que esta não regressará antes das eleições autárquicas previstas para o final deste ano. "Acredito no modelo, mas parece-me uma traição ao próprio modelo manter a régie aberta para pagar um salário e não gerar receita”, concluiu.