Notícias 18 Nov 2017 VI Festival de Teatro de Amadores de Gaia encerrou em festa Ficou a promessa da organização de uma nova edição no próximo ano
Depois de cerca de dois meses de celebração do teatro amador em Vila Nova de Gaia, o Auditório Municipal de Gaia acolheu, no dia 18 de novembro, a festa de encerramento do VI Festival de Teatro de Amadores de Gaia – Festeatro. Com a presença do vice-presidente da Câmara Municipal, Patrocínio Azevedo, ficou a promessa do apoio da autarquia na realização da sétima edição deste evento organizado pela Federação das Coletividades de Vila Nova de Gaia. "A Câmara é um aliado da Federação das Coletividades. Nós somos um de vocês. O teatro está de parabéns”, assegurou o autarca, não deixando de enaltecer o teatro como um "modelo de integração e de desenvolvimento social”.

Da parte da organização, César Oliveira, presidente da Federação das Coletividades, falou de um balanço que superou, de todo, as expetativas. "Foi excecional, não só pela elevada adesão de instituições e de público (mais de três mil pessoas), como também pela qualidade e transversalidade das peças apresentadas e das mensagens partilhadas, através de representações infanto-juvenis, clássicas e musicais”, afirmou o responsável. De 17 de setembro a 18 de novembro, o Festeatro levou a cena 15 representações, encenadas exclusivamente por instituições gaienses.

A cerimónia de encerramento foi ainda o pretexto ideal para homenagear três «Personalidades Festeatro 2017», nomeadamente: Fernando Costa, José Custódio Gomes Ferreira e Laurentim de Castro, que receberam uma réplica do «Monumento ao Associativismo», da autoria da escultora Helena Fortunato.