Política de Cookies

Este site utiliza Cookies. Ao navegar, está a consentir o seu uso. Saiba mais

Compreendi
Notícias 16 Mai 2019 Linhas de metrobus no concelho mais perto da realidade Os concursos públicos serão lançados até setembro
Hoje, os desafios não passam por prever o futuro mas sim construi-lo. Vila Nova de Gaia quer assumir a dianteira deste processo, com uma nova solução de mobilidade: o metrobus, mais uma opção de transporte público. Assim, a Câmara Municipal vai lançar, até Setembro, concursos públicos para implementar linhas de metrobus em três pontos do concelho, nomeadamente: Avenida Vasco da Gama (EN222), numa primeira fase até à rotunda dos Arcos do Sardão, segunda fase até à rotunda de Avintes e, por fim, numa terceira fase até Lever; Grijó – Santo Ovídio e, finalmente, Avenida do Atlântico – Madalena.

"Isto significa o arranque de um processo de melhoria da mobilidade e do transporte público em Vila Nova de Gaia. São percursos em via dedicada, ou seja, em faixa dedicada ao transporte público que será partilhada exclusivamente pelas bicicletas elétricas e veículos elétricos. Na prática são corredores ‘bus' em solução pré-metro, ou seja, ligações entre pontos num modelo próximo de ‘shuttle'", explicou Eduardo Vítor Rodrigues, presidente da Câmara Municipal, na sessão pública de esclarecimento sobre este projeto, que decorreu a 16 de maio.


Trata-se de um sistema de transporte público baseado no uso de autocarros, que visa combinar a capacidade e a velocidade do metro com a flexibilidade, o baixo custo e a simplicidade de um sistema de linhas de autocarros. Opera numa faixa de rodagem exclusiva, para evitar o congestionamento do trânsito, e inclui estações, veículos e sistemas inteligentes de tráfego num sistema integrado e flexível.

A primeira intervenção, na EN222, custará cerca de 1,8 milhões de euros, havendo a previsão de ver o metrobus a circular naquela zona dentro de sensivelmente um ano. Esta linha estará dividida em três fases distintas, sendo a primeira entre o nó da VL9 e a rotunda dos Arcos do Sardão.

O metrobus, que já existe em mais de duzentas cidades em todo o Mundo, é um serviço moderno, confortável, fácil de utilizar e acessível, que é, ao mesmo tempo, um paradigma da integração urbana, seguro e amigo do ambiente. Em Vila Nova de Gaia, este novo serviço terá material circulante novo, com capacidade para cerca de 130 pessoas, com modo de bilhética Andante e níveis de velocidade e frequência superiores a um normal autocarro. Quer no que se refere ao consumo energético, quer às emissões, a solução tem impactos positivos, implicando menor utilização do transporte individual. Esta solução associa as vantagens dos modos ferroviários (rapidez, conforto, regularidade) às vantagens do modo autocarro (flexibilidade, proximidade, menor custo)