Notícias 26 Mar 2017 Lançada a primeira pedra do Pavilhão Municipal de Avintes Obra será financiada pela autarquia e terá um custo total superior a 1 milhão de euros

O dia 26 de Março foi marcante para a comunidade de Avintes. Na presença do presidente da Câmara Municipal de Gaia, Eduardo Vítor Rodrigues, foi lançada a primeira pedra da obra de construção do Pavilhão Municipal de Avintes Salvador Guedes. Nesta cerimónia, que marcou o início das obras de construção do pavilhão, estiveram ainda presentes Sérgio Afonso, diretor do Agrupamento de Escolas Gaia Nascente, a família Guedes, administradora da empresa Sogrape, o vice-presidente da autarquia gaiense, Patrocínio Azevedo, o presidente da Junta de Freguesia de Avintes, Cipriano Castro, entre outras individualidades.

O pavilhão, situado junto à Escola Básica Fernando Guedes – patrono da escola e presente também na cerimónia –, deverá servir os interesses não só da comunidade escolar, mas de toda a comunidade local, que terá aqui um equipamento disponível para a prática desportiva. Sérgio Afonso não escondeu a sua satisfação, fazendo questão de dizer que este era um dia há muito esperado por todos. "Com melhores escolas, teremos uma melhor educação e um melhor futuro”, garantiu o diretor do agrupamento, que não deixou de reforçar o seu agradecimento à Sogrape, um parceiro fundamental para a escola e para a freguesia de Avintes.

Salvador Guedes, antigo presidente da Sogrape, esteve presente na cerimónia e recebeu uma dedicatória especial. Uma pessoa, para Eduardo Vítor Rodrigues, que "marca pela inteligência, pela audácia e força de carácter, que luta contra todas as contingências”. "A placa que vamos descerrar é a do Pavilhão Municipal Salvador Guedes, esperando que esta denominação nos inspire a todos, pela importância que ele e a Sogrape têm em Avintes, pela sua presença inspiradora, pela força da inteligência de quem constrói projetos sustentáveis, com rigor. É um grande exemplo para todos nós”, destacou o autarca.

Sem qualquer apoio comunitário, este pavilhão é um dos primeiros equipamentos construídos na última década exclusivamente a partir do orçamento municipal, o que, para o presidente da Câmara Municipal de Gaia, é motivo de grande orgulho. "Vila Nova de Gaia apresenta-se de cabeça erguida porque superou o efeito do impacto que poderia ter a continuidade de um processo de endividamento. Estamos a criar as condições estratégicas para um concelho mais forte”, explicou, sendo que este novo pavilhão é exemplo disso mesmo. "Queremos enriquecer a atividade curricular da escola mas, ao mesmo tempo, beneficiar a comunidade, proporcionando um pavilhão que é uma mais-valia desportiva e um espaço ideal para a realização de eventos”, afirmou.

Se, outrora, como disse Cipriano Castro, "os avintenses eram esquecidos pelo poder instalado”, hoje a realidade é outra. "Este equipamento está a fazer muita falta à nossa terra. Avintes, finalmente, oferecerá as condições para os jovens e os nossos clubes praticarem desporto”, garantiu.

A cerimónia contou ainda com um momento de declamação de poesia protagonizado pelos alunos da Escola Básica Fernando Guedes.

Notícias Relacionadas