Política de Cookies

Este site utiliza Cookies. Ao navegar, está a consentir o seu uso. Saiba mais

Compreendi
Notícias 17 Fev 2017 Inauguração do requalificado Largo dos Arcos da Amoreira O espaço foi alvo de uma requalificação sóbria, funcional e inteligente
A freguesia de Grijó foi palco, no dia 17 de Fevereiro, da inauguração do requalificado Largo dos Arcos da Amoreira (cujo valor total da obra ronda os 168 mil euros), na presença do presidente da Câmara Municipal de Gaia, Eduardo Vítor Rodrigues, do presidente da União de Freguesias de Grijó e Sermonde, César Rodrigues, e de um público muito especial composto por um grupo de crianças da escola EB1 de Murraceses. 

"Estamos num local que faz parte da nossa história desde o século XVIII. Este espaço há muito que merecia dignidade, uma requalificação sóbria, funcional e inteligente. Hoje cumpre-se, mais uma vez, a vontade dos Homens, que não são meros políticos de ocasião, mas defensores do desenvolvimento e dos interesses dos cidadãos”, afirmou César Rodrigues. Este largo, palco da iniciativa «Noites de Verão», continuará a acolher este e outros eventos sazonais. 

Por sua vez, Eduardo Vítor Rodrigues recordou que esta obra foi desenvolvida para ter uma resposta de qualidade e de requalificação urbanística à envolvente da escola EB 2/3 de Grijó. "Hoje não estamos no tempo de fazer obras megalómanas, mas sim de aproveitar os recursos para fazer obra inteligente, de proximidade e para reabilitar o espaço público e os equipamentos públicos. Desse ponto de vista, este momento é apenas um momento simbólico, representante de tantos outros que já concretizamos sem atos solenes”, evidenciou.  

Neste seguimento, desde o início do mandato e até ao momento já foram dedicados cerca de 10 milhões de euros para a reabilitação da rede viária do concelho. "Não reabilitamos apenas a rede viária da orla marítima, mas dispersamos por todo o concelho, fazendo até uma descriminação positiva das freguesias que menos tinham beneficiado deste pacote de investimento na requalificação da rede viária. Dedicamos ainda 3 milhões de euros à reabilitação de equipamentos, em particular escolas do primeiro ciclo. Neste momento, ainda que faltem algumas, das 105 escolas do concelho, já intervencionamos em profundidade 48, duas delas em Grijó”, recordou Eduardo Vítor Rodrigues, que avançou com as próximas intervenções na freguesia, nomeadamente a reabilitação da Rua do Padrão e da Rua Américo Oliveira. "Fomos capazes de fazer isto de mãos dadas. Ao mesmo tempo que reduzimos o passivo, conseguimos aliviar a vida dos cidadãos do enorme peso que ainda existe no município de Gaia, nomeadamente ao nível da fatura da água e do IMI. Reduzimos pouco, mas baixamos pela primeira vez em vinte anos”, referiu. É neste equilíbrio que o Município continuará a apostar, reduzindo o ónus financeiro às famílias e criando mais e melhores serviços de proximidade, nomeadamente no âmbito social e educativo.