Política de Cookies

Este site utiliza Cookies. Ao navegar, está a consentir o seu uso. Saiba mais

Compreendi
Notícias 21 Mar 2017 Dia Mundial da Árvore alertou para a necessidade de “semear vida em Gaia” Foram entregues plantas envasadas aos representantes das Juntas de Freguesia

Com o início da Primavera celebra-se, também, a 21 de Março, o Dia Mundial da Árvore. Para assinalar esta efeméride, a Câmara Municipal de Gaia desenvolveu um conjunto de iniciativas que começou, logo pela manhã, no Parque da Lavandeira. Algumas crianças do concelho, com a alegria que tão bem as caracteriza, plantaram cerca de cinquenta árvores num espaço previamente limpo, ajudando, assim, a consciencializar para a importância de preservar a natureza. Nesse momento, o presidente da Câmara Municipal de Gaia entregou, ainda, uma planta aos representantes das juntas de freguesia do concelho.

Eduardo Vítor Rodrigues acredita que, em muitos casos, são as crianças que educam os pais, sobretudo em matérias ambientais. "Por isso, quando desenvolvemos estas ações temos como objetivo criar momentos simbólicos, como a entrega de plantas aos presidentes das juntas de freguesia. Nos seus territórios, eles podem encontrar locais que sejam inspiradores, colocando lá árvores, de preferência adaptadas ao local”, explicou. Embora este seja um momento simbólico, para Eduardo Vítor Rodrigues, a ação do município não se centra apenas em simbolismos. "Nas próximas semanas iniciaremos a primeira fase do processo de limpeza e reabilitação para a criação do maior parque da Área Metropolitana do Porto, situado em Canidelo: o parque do Vale de S. Paio. Queremos que este seja um espaço público de acesso livre para todos os que queiram usufruir de muitos hectares disponíveis e que podem e devem ser reabilitados, com a mestria de Sidónio Pardal”, afirmou. Desenvolver-se-á, assim, a ambição de tornar aquele espaço num parque ambiental acessível a todos.

Mercês Ferreira, vereadora da autarquia com o pelouro do Ambiente, tal como Eduardo Vítor Rodrigues, acredita que as crianças são o veículo para a mensagem que se pretendia transmitir no sentido de alertar para a necessidade de preservar a "nossa casa, a nossa terra, o nosso planeta”. Este momento simbólico surge da "vontade de partilhar com os agentes locais, as escolas, os professores e toda a comunidade escolar uma mensagem que queremos que dure muito tempo”.

Nesta cerimónia, foi também anunciada a iniciativa «Já plantou a sua árvore? Plante uma árvore e semeie vida em Gaia», através da qual todos os interessados podem adquirir uma planta envasada oferecida pela autarquia, bastando, para isso, preencher um formulário disponível aqui, ou pedir mais esclarecimentos na Junta de Freguesia da sua residência. Todos os cidadãos podem associar-se a este programa de plantação de árvores pelo concelho, seja em espaços públicos como em privados.

Ainda no seguimento do Dia da Árvore, estão a caminho os equipamentos de monda térmica (veículos elétricos com equipamento de lavagem a vapor de água, para as ruas e passeios do concelho), para a limpeza de ervas na via pública, substituindo, assim, o uso do glifosato, em articulação com a empresa municipal Águas de Gaia e a SUMA.