Política de Cookies

Este site utiliza Cookies. Ao navegar, está a consentir o seu uso. Saiba mais

Compreendi
Notícias 07 Fev 2019 Autarquia sensibiliza a comunidade para o fim da violência no desporto Está prevista para breve uma reunião com clubes, juntas de freguesia, associações de pais e agrupamentos escolares
Depois de recorrentes episódios de violência durante jogos de escalões de formação, a Câmara Municipal decidiu tomar medidas para colocar um ponto final no clima de agressividade que se tem sentido nos últimos tempos. "É inacreditável e inaceitável que, semana após semana, aconteçam distúrbios em jogos de miúdos. Os recintos desportivos públicos não são ringues de boxe. Não interessa apontar clubes, não quero estigmatizá-los, e isto tanto se passa no futebol como noutras modalidades”, referiu Eduardo Vítor Rodrigues. 


Esta questão foi levantada por José Guilherme Aguiar, vereador com o pelouro do Desporto, na passada reunião de Câmara, no período antes da ordem do dia. Para o vereador, "isto já tem de ser repudiado nos seniores, quanto mais em escalões de formação. Atribuímos milhares de euros aos clubes e fazemos contratos-programa para melhoria de equipamentos. Os clubes têm de saber, ainda que muitas vezes não tenham culpa, que perdem o direito a apoios se estas situações continuarem”, referiu. 
Para já, a autarquia irá promover uma reunião, brevemente, com clubes, juntas de freguesia, associações de pais e agrupamentos escolares, para debater esta problemática. Paralelamente, será lançada uma campanha de sensibilização que decorrerá pelo menos ao longo dos próximos três fins de semana em campos de futebol e pavilhões desportivos. Depois destas ações, se o clima de violência continuar, outras medidas poderão ser adotadas.