Política de Cookies

Este site utiliza Cookies. Ao navegar, está a consentir o seu uso. Saiba mais

Compreendi
Eventos 16 Fev 2019 Concerto Romance Espaço Corpus Christi
O Espaço Corpus Christi assinala o dia dos namorados com um momento musical, pelo agrupamento Eccos Ensemble Vocal, dirigido por Mónica Lacerda Pais. 



O Eccos Ensemble Vocal é um grupo coral fundado pela Soprano e Maestrina Mónica Lacerda Pais em Rio Tinto (Gondomar), a partir de um autêntico exercício de cidadania, alicerçado na partilha de experiências, na promoção, interação e integração sociais.
O grupo pretende divulgar um acervo musical de superlativa qualidade, alimentando-se de um reportório que visita várias épocas musicais, abordando um largo espectro de manifestações polifónicas. De John Dowland a Karl Jenkins, passando por Pergolesi ou Verdi, o Eccos Ensemble Vocal contempla, no seu reportório, obras de caráter sacro e profano, distinguindo o "bel canto” nas suas inúmeras manifestações, como a ópera, a canção, a zarzuela ou os temas da Broadway. No entanto, a música portuguesa ocupa, por princípio, lugar de relevo nos seus programas.

Mónica Lacerda Pais
Natural do Porto, após conclusão do curso complementar em Piano e Canto no Conservatório da Cidade Invicta, ingressa na Escola Superior de Música e Artes do Espectáculo do Porto (ESMAE), onde obtém uma licenciatura em Canto. Posteriormente concluiu o grau de Mestrado em Música, pela Universidade de Aveiro (com profissionalização).
A par da sua intensa carreira como Soprano, Mónica Lacerda Pais é professora de Canto na Escola Ballet Teatro do Porto e no Conservatório de Música de Vila Real, sendo ainda responsável pelo Coro de Pais da Academia de Música de Paços de Brandão. 
Mónica Lacerda Pais é a Diretora Musical do Eccos Ensemble Vocal.

Eccos Ensemble Vocal
Sopranos: Ana Cristina Pereira, Ana Luísa Santos, Carmo Miranda, Dulce Fernandes, Fátima Pinto, Isabel Oliveira, Jeni Carneiro, Mafalda de Jesus, Manuela Cruz e Verónica Lameiras. 
Mezzo-Sopranos: Ana Maria Martins, Ana Paula Mota, Conceição Vinagre, Isabel Amorim, Maria João Teixeira, Noémia Pacheco, Odete Carvalho, Rosa Dias, Teresa Ramos e Susana Pais.
Tenores: Agostinho Machado, Eduardo Fonseca, Miguel Coelho, Miguel Marques, Ricardo Fonseca, Rui Fonseca. 
Baixos: Aníbal Madureira, Cristiano Gomes, Jorge Pinheiro e Mauro Ferreira  
Pianista: Filipe Cerqueira


Programa
Now, o now (J. Dowland)
A Gaelic Blessing (J. Rutter)
Vittoria, vittoria (G. Carissimi)
Lascia ch’io pianga – da ópera "Rinaldo” (G. F. Händel)
Belle nuit, ô nuit d’amour (barcarolle) – da ópera "Les Contes d’Hoffmann” (J. Offenbach)
La ci darem la mano (dueto) – da ópera "D. Giovanni” (W. A. Mozart)
Dorme, meu menino (trad. portuguesa)
A Chloris (R. Hahn)
Peixe Vivo (trad. brasileira)
Pirulito (trad. Brasileira)
Torna a Surriento (G. de Curtis)
Ronda de los enamorados - da Zarzuela "La del soto del parral” (Soutullo y Vert)
L’amour est un oiseau rebelle (habanera) – da ópera "Carmen” (G. Bizet)
Mazurka de las Sombrillas – da Zarzuela "Luísa Fernanda” (F. Moreno Torroba)
O Sole Mio (E. di Capua)
Granada (A. Lara)